terça-feira, 30 de junho de 2009

Michael & Jackson


Por mais que eu me esforce em um movimento de auto-persuasão, por um estranho mecanismo não consigo me convencer de que havia apenas um Michael Jackson. Para mim, eram dois: um menininho negro genial que cantava Rhythm & Blues com seus irmãos no Jackson 5 e dançava parecido com o James Brown; um mutante dançarino que cantava afinadinho, fazia coisas extravagantes e ganhava muito dinheiro, alimentando um bando de sanguessugas ao seu redor.

Eu era fã dos Jackson 5, que tinham inclusive um desenho animado na TV. Achava o primeiro Michael um tremendo cantor, carismático e talentoso. Porém, quando mudou de voz, o adolescente virou um cantor comum. Aí foi preciso um novo produtor investir em uma mudança geral: do R&B para o pop, do canto para a dança, do disco para o videoclipe. Eu não gosto muito de pop e fui me desinteressando pelo som do MJ. Pra não dizer que eu jogaria fora tudo o que ele gravou dali pra frente, eu acho o solo de guitarra do Eddie van Halen em "Beat it" o melhor de todos os tempos, acho o máximo a participação do Vincent Price em "Thriller" e curto muito a versão que o Caetano Veloso fez de "Billy Jean", com "Nega Maluca" na introdução. Depois disso, só acompanhei a hipocondria, a dismorfofobia e outros transtornos mentais que aparentemente ele tinha, lamentando o que fizeram do cara os anos de maus tratos pelo pai, os de exploração por todo o resto e refletindo sobre o perigo que é ter dinheiro demais e discernimento de menos.

Hoje eu assisti ao início de um documentário sobre ele, mas precisei sair para dar uma supervisão. O segundo Michael estava vendo o primeiro em um telão e comentando sobre os maus tratos. Quanto mais o mutante falava, mais pena me dava do garotinho. Muito esquisito, continuei achando que eram dois. Algo me diz que o escroto do pai dele, antes de arder no inferno (que infelizmente não deve existir), ainda vai querer mais uma generosa fatia.

5 comentários:

Anônimo disse...

OLHA TENHO A MESMA IMPRESSAÕ QUE VC..QUE REALMENTE EXISTIU DOIS MJ
EU ADORAVAO MJ GAROTINHO (O J FIVE)
MAS NUNCA GOSTEI DO MJ MULTANTE, SO CONSEGUI SENTIR PERNA DELE
MAS REZO POR ELE.

Victor disse...

"Bob Marley morreu
Porque além de negro era judeu
Michael Jackson ainda resiste
Porque além de branco ficou triste"
(...)

Agora terão q mudar a letra...!

Alessandra Brandão Nascimento disse...

Eu achava que o MJ era um excelente dançarino e gostava de algumas músicas dele. Acho que ele marcou uma época! Sem dúvida ele era meio fora da casinha, mas não acho justo a mídia ficar explorando detalhes da vida dele. Os filhos brancos eram dele sim, afinal ele comprou os três! E mais, comprou pq alguém vendeu! Errado é quem vende filho!

Ninguém envolvente disse...

Michael Jackson, pode ser resumido a aquele que nem Freud explica...

Paulo César Nascimento disse...

Anônimo: acho que agora é só o que resta fazer. Abs.

Victor: nem sei se vai precisar, o Gil nem anda cantando tanto assim. Abs.

Alessandra: eu acho complicado comprar e vender. Bjs

Ninguém envolvente: eu acho que nem resumido dá pra ser, de tanta coisa que passou. Bjs

 
design by suckmylolly.com