quarta-feira, 15 de julho de 2009

Os mistérios do sucesso


É estranho pensar nas coisas que fazem sucesso mundo afora. Existem tenistas milionários, mas os jogadores de badmington, que é muito parecido, devem ganhar uma merreca. Há jogadores de poker milionários, mas no truco você ganha no máximo umas cervejinhas. Há torneios de sinuca com grandes prêmios, mas um exímio jogador de pebolim ganha no máximo uns tapinhas nas costas. Hoje, após ter inventado uns cinco jogos diferentes com apenas duas moedinhas de vinte e cinco centavos e uma mesa com cobertura de fórmica, pensei com os meus botões que nenhum deles era menos nobre como esporte do que a pelota basca, a bocha ou o voleibol. A rigor, nenhum deles tem outra utilidade prática que não o entretenimento. Porém, mesmo meu argumento sendo irrefutável do ponto de vista da lógica, seja ela aristotélica ou hegeliana, duvido que vá me tornar milionário com minha capacidade de dar petelecos em moedinhas com habilidade e precisão.

2 comentários:

xeva - andre disse...

Comece explicando o jogo, já que 'sub-celebridades' (não digo você, pois mal te conheço, mas alguns blogueiros que passam por aqui) podem ajudar a difundir e quem sabe começar comm um jogo em flash, é isso, ficadica, abraço.

Paulo César Nascimento disse...

xeva-andre: eu poderia, mas acho que a versão artesanal face a face é muito mais empolgante. Abs

 
design by suckmylolly.com