terça-feira, 28 de julho de 2009

Prisioneiro da bobagem reloaded


Estava vendo TV uma manhã dessas, acho que no domingo, e no Profissão reporter teve uma matéria com três concursos: um de miss infantil, outro de Prenda do Rio Grande do Sul e outro nos subúrbios do Rio de Janeiro. O programa reforçou em mim a convicção de que o ser humano, como se não bastassem as agruras da luta pela sobrevivência, ainda inventa coisas para tornar muita gente infeliz em troca da felicidade de um só. Porém, como a própria miséria humana traz consigo a possibilidade do humor, veio-me o trocadilho: "Garota da laje" - mocinhas do subúrbio lutando por um lugar ao Sol.

2 comentários:

Alline disse...

As garotas da laje, de bunda de fora e chiclete na boca, são felizes em sua ignorância. ;)

Paulo César Nascimento disse...

Alline: e fazem os vizinhos felizes também! Bjs

 
design by suckmylolly.com