quarta-feira, 6 de abril de 2011

Ambiguidades

Machado de Assis teve uma grande sacada ao deixar em aberto a situação entre Capitu e Bentinho. Entre hipóteses de traição e paranóia ainda despontou uma terceira vertente, a de que os reais ciúmes de Bentinho se referiam ao amigo Escobar, mais do que à esposa, sugerindo outras tonalidades para o triângulo amoroso. O interessante destas situações abertas é que cada um as interpreta conforme sua visão de mundo, identificações, crenças e valores. Há uma lenda sobre as origens da Alquimia que refere que um anjo de uma dimensão elevada, encantado pela beleza da deusa Ísis, deu-lhe uma cantada e ela impôs a seguinte condição: ensine-me os segredos da Alquimia, que eu topo. Porém, a historinha deixa em aberto se Ísis deu ou não ao anjo aquilo que ele desejava. O que você acha que aconteceu?

a) Ísis enrolou o anjo, aprendeu os segredos da Alquimia e desconversou depois, fazendo-se de desentendida;
b) Ísis cumpriu o combinado, afinal de contas já tinha empenhado sua palavra.
c) Ísis já pretendia mesmo dar para o anjo, aproveitou e levou de lambuja os segredos da Alquimia.
d) O anjo enrolou Ísis, contou qualquer coisa como se fossem os segredos da Alquimia e se deu bem.

Pois é, o que você acha tem muito a dizer sobre quem você é e com quem se relacionou.

0 comentários:

 
design by suckmylolly.com